top of page
  • Foto do escritorDaniel Pellegrini Lemos

Carinhos e Apertos em Gatos

Olá amiga(o) gateira(o), seja bem-vinda(o) de volta!

 

   Hoje aprofundaremos o que foi dito no primeiro post da série sobre comportamento – “Conheça seu gato” – sobre qual a melhor maneira de dar carinho para os bichanos.



Gato fofo


Não é raro que novos tutores de gatos já tenham sido antes tutores de cachorros (aconteceu o mesmo comigo! Rsrsrsrs). E, justamente por isso, a maneira mais comum de fazer carinho é mais “exagerada”, com muitos apertos, abraços e afagos apertados.

   Imagino que em algum momento você já tenha percebido que esse estilo “Felícia” de ser não é lá muito apreciado pela grande maioria deles...

   Eu sei que é mesmo difícil se controlar. Às vezes, tudo que queremos é pegar e esmagar aquelas bolinhas de pelo. Mas é preciso ir devagar.

 

   Diferente dos cachorros, que esperam e dependem muito mais de uma atitude nossa para interagir, gatos tem seu próprio “tempo e espaço”.

   A melhor maneira para “rolar um clima” e poder interagir é deixar primeiro ele se aproximar e pedir pelo carinho. Aliás, é importante que sempre que isso aconteça você retribua imediatamente! Isso vai deixá-lo ainda mais contente.

 

   Uma vez que ele tenha feito contato, carinhos na cabeça, pescoço, bochechas e na parte de trás do dorso são sempre bem-vindos!

São “campeões de audiência”. Praticamente uma unanimidade com risco baixíssimo de serem recusados.

   Já carinhos no abdômen e patas não costumam fazer muito sucesso. Os gatos costumam expor a barriga quando relaxados, mas isso não quer dizer que estejam pedindo por carinho nessa região. Muito cuidado!

 

   Claro que, como já vimos antes, existem gatos mais introvertidos e extrovertidos. Meu gato Apollo é quase um cachorro, posso fazer carinho nele onde e quando quiser. Em compensação minha gata Kitty tem seus limites mais claros e estabelecidos. Carinho na barriga nem pensar!    O importante é saber que assim como nós humanos, cada gato é de um jeito e é preciso entender e respeitar suas diferenças.

 

   E o(s) seu(s) gatos? Eles também gostam de carinho? Onde eles preferem?

   Comente aqui com agente... ;-)

2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page